Senado cria comissão temporária para acompanhar a intervenção federal no RJ


O Plenário do Senado aprovou nesta quarta-feira (21) um requerimento do senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) para criação de uma comissão temporária externa com dez senadores titulares e outros dez suplentes para acompanhar a execução e os desdobramentos da intervenção federal na segurança pública do estado do Rio de Janeiro.
Na terça-feira (20), o Plenário do Senado aprovou o decreto do presidente Michel Temer que deu início à intervenção. A comissão funcionará durante um ano.
De acordo com Randolfe, o decreto de intervenção no Rio de Janeiro é o primeiro desde a promulgação da Constituição de 1988 e é uma medida drástica que precisa ser acompanhada e fiscalizada pelo Congresso Nacional.
“A intervenção federal em conjunto com a nossa recente redemocratização resgata memórias de arbitrariedades cometidas pelas Forças Armadas no passado, e por isso a necessidade de se ter membros do Senado Federal acompanhando o desdobramento e execução das operações militares e policiais. Organizações de direitos humanos já manifestam preocupação com excessos”, afirma Randolfe na justificação do requerimento.

 Agência Senado)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Parlamento terá dia especial no Fórum Mundial da Água

População de Nova Floresta lamenta o falecimento do ex- vereador João Bolinha.

TERMO DE DOAÇÃO