agosto 05, 2013

Paraíba tem 22 mil pessoas inelegíveis que não votam e nem disputam eleições em 2014

Justiça Eleitoral suspende direitos políticos e quase 900 mil brasileiros não podem votar nem disputar eleições em 2014.

Candidato inelegível


Mais de 22 mil paraibanos estão com direitos políticos suspensos e proibidos de disputar as eleições do próximo ano, conforme levantamento divulgado pela Justiça Eleitoral. Em todo país são 883.222 pessoas nessa condição, dentre eles 22.236 da Paraíba.
Além de inelegíveis para as eleições de 2014, esses mais de 883 mil brasileiros também não podem votar e nem se filiar em partido político, nem tampouco, exercer cargo em entidade sindical, cargo público, mesmo que não eletivo e atue como diretor ou redator-chefe de jornal ou periódico.
De acordo com o levantamento, extraído do banco de dados da Justiça Eleitoral, a condenação criminal é a maior causa para suspensão dos direitos políticos (657.299), seguida da incapacidade civil absoluta (143.873), instituto jurídico aplicado a pessoas consideradas absolutamente incapazes de exercer pessoalmente os atos da vida civil.

Em terceiro lugar estão os 76.833 brasileiros alistados no serviço militar, os chamados conscritos, seguidos de 3.374 condenações por improbidade administrativa e dos 272 brasileiros que moram em Portugal e optaram por exercer o direito a votar e ser votado naquele país.

Quem se recusa a cumprir obrigação a todos imposta, sendo o serviço militar um exemplo, também perde os direitos políticos. Atualmente, há 187 brasileiros nessa situação. Outras 1.384 pessoas também estão com os direitos políticos suspensos, mas foram inseridas num período em que o cadastro não distinguia os motivos.

do portal correio

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem em destaque

Dezembro Vermelho

Ao longo deste mês, prédios públicos em todo o Brasil ficarão iluminados de vermelho para marcar a luta contra a aids. Além da iluminação, ...