abril 17, 2013

PEN vai convocar reunião para conter debandada de deputados estaduais


O presidente do PEN da Paraíba reafirmou que o partido tem um posicionamento independente, sem “servir para nenhum tipo de governo”

Bancada do PEN

O presidente do PEN da Paraíba, deputado estadual Ricardo Marcelo, anunciou, nesta quarta-feira (17), que irá convocar  nos próximos dias uma reunião com os filiados do partido para acabar com as brigas internas da legenda e conter uma eventual debandada. Segundo o dirigente, o local e data do encontro ainda serão definidos.
Ricardo Marcelo reafirmou que o PEN da Paraíba tem um posicionamento independente, sem “servir para nenhum tipo de governo”. Para ele, os impasses dentro do partido levantados nas últimas semanas serão solucionados e a sigla não terá nenhuma perda.
Na reunião, o presidente do PEN irá reforçar aos correligionários que o partido deve manter a independência. “A linha do PEN sempre foi de independência. Portanto, é preciso que façamos logo uma nova reunião com os filiados para discutirmos essa posição do nosso partido. Não queremos ser governo e nem oposição”, afirmou.
Segundo Ricardo Marcelo, “existe um grau de inconsciência” de alguns filiados acerca das orientações do PEN, por isso a necessidade de uma nova reunião.
Na última semana, o deputado estadual Aníbal Marcolino (PEN), afirmou que já se prepara para deixar a legenda. O parlamentar se queixou das declarações de alguns colegas que afirmou que votarão a favor de todas as matérias do Governo do Estado sem descriminação.
O parlamentar desde que assumiu o mandato na Assembleia Legislativa faz oposição ao Governo do Estado e migrou para o PEN, segundo ele, acreditando que a nova legenda teria uma identidade que não fosse governista. Ele era filiado ao PSL De acordo com Aníbal, é inaceitável que “o partido que tinha o propósito de ser independente vote a favor de todas as matérias do Governo”.

do portal correio

Nenhum comentário:

Postar um comentário