julho 18, 2012

É grave o estado de saúde do policial que se afogou durante treinamento em Cabedelo

A fatalidade ocorreu durante um treinamento em Cabedelo.

Continua grave o estado de saúde do policial rodoviário federal paranaense Fernando Luis de Sousa Pires, 31 anos, que foi vítima de afogamento, durante treinamento das atividades do Curso de Operador de Equipamentos Especiais, que ocorria no mar da praia de Intermares, em Cabedelo, na região metropolitana de João Pessoa. Ele está internado na Unidade de Terapia Intensiva do Hospital de Emergência e Trauma da Capital.

De acordo com informações da assessoria de imprensa da PRF, os alunos estavam realizando atividades no mar, juntamente com uma equipe de sete instrutores e um bote de apoio do Corpo de Bombeiros Militar do Estado da Paraíba.

Ao perceberem que o policial estava passando mal os instrutores rapidamente retiraram-no do mar e iniciaram os primeiros atendimentos, que contou com o apoio de uma equipe médica do Serviço Médico de Atendimento e Urgência. Ainda não foi possível identificar as causas do afogamento, já que o policial sabia nadar e estava em bom estado de saúde.

O policial foi removido de helicóptero para o Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa, onde foi internado após parada cardíaca.

Polícia Civil de PE decreta estado de greve; paralisação começa 2ª feira

Paralisação tem início na próxima segunda-feira. Categoria reivindica melhorias salariais, pagamento de adicional noturno, horas extras e vale-refeição


Categoria realizou assembleia na sede do Sinpol nesta terça-feira (Crédito: Foto: Sinpol / Divulgação)
Os policiais civis de Pernambuco decretaram estado de greve nesta terça-feira (17). Em assembleia realizada na sede do Sinpol, em Santo Amaro, área central do Recife, os representantes da classe decidiram iniciar a paralisação na próxima segunda-feira (23), depois de transcorridas as 72 horas necessárias à divulgação da greve à população. Sem término previsto, durante a paralisação só 30% dos serviços serão realizados.
Entre as reivindicações da categoria estão melhorias salariais, pagamento de adicional noturno, horas extras e vale-refeição. Os policiais pretendem elevar o salário ao segundo maior do país, equiparado ao dos profissionais de Sergipe, onde o salário inicial da categoria é de R$ 4.510,00. Mas, segundo os participantes da assembleia, o governo anunciou que não vai tratar de questões salariais este ano. Eles também cobram melhorias nos equipamentos de segurança, como coletes à prova de bala.
Durante a greve, os policias receberão uma cartilha com as informações de como devem atuar durante a paralisação. Eles anunciaram que não haverá registro de Boletim de Ocorrência, os registros de flagrantes serão feitos apenas nas delegacias de plantão e serão suspensas as investigações em andamento.
Jornal do Commercio

AÇÃO POLÍTICA DE CÁSSIO GARANTE APROVAÇÃO DE EMPRÉSTIMO A PARAÍBA DE 25 MILHÕES DE DÓLARES

O Estado da Paraíba está autorizado a contratar empréstimo no valor de US$ 25 milhões de dólares junto ao Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (FIDA) para financiamento parcial do Projeto de Desenvolvimento Sustentável do Cariri e Seridó. Atendendo pedido feito pelo Governador Ricardo Coutinho, o Senador Cássio Cunha Lima (PSDB) promoveu intensa articulação junto às lideranças políticas do Congresso e consegui viabilizar a aprovação em tempo recorde na CAE, nesta terça-feira (17) da mensagem Presidencial nº 59/2012. “Esta é mais uma vitória da nossa agenda Paraíba”, afirmou o Senador Cássio Cunha Lima, que defendeu e conseguiu urgência para garantir a aprovação definitiva da matéria, ainda hoje, no plenário do Senado.
         O Senador Cássio Cunha Lima, durante debate da matéria na CAE, fez questão de destacar a importância desta autorização e empréstimo para a Paraíba. “Este é um plano que irá contribuir para o desenvolvimento da economia rural e a redução dos níveis de pobreza na região castigada do semiárido”, frisou. Lembrou também que o início de todo o processo do plano de ação foi realizado durante a sua gestão à frente do Governo do Estado da Paraíba e que “somente depois de executar o rigoroso ajuste fiscal, conseguimos garantir as condições que agora permitem o aumento da capacidade de investimentos do Estado”, afirmou Cássio Cunha Lima. O Senador fez questão de registrar participações importantes em todo o processo, como do atual deputado Assis Quintães, do Governador Ricardo Coutinho e do Secretário de Agricultura,Marenilson Batista da Silva.
         Durante discussão da proposta de crédito externo para o Governo da Paraíba, na Comissão de Assuntos Econômicos, a relatora senadora Lídice da Mata ressaltou que foram obedecidas todas as exigências estipuladas pelas Resoluções do SF e as disposições constantes da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). O financiamento será contratado sob a modalidade de empréstimo ordinário, com taxa de juros definida semestralmente pela diretoria do FIDA, acrescida da variação cambial fixada pelo FMI. Pelo texto aprovado, o prazo de desembolso será de 72 meses com amortização de 30 parcelas a serem pagas semestralmente, nos dias 15 de maio e 15 de novembro de cada ano. Cabe à União a concessão das garantia ao Estado da Paraíba na operação de crédito.
Segundo consta na mensagem presidencial, o objetivo geral do Programa é contribuir com o desenvolvimento econômico da área rural e reduzir a taxa de extrema pobreza da população que vive na região do semiárido da Paraíba. O Projeto também como propósito melhorar, de forma sustentável, a renda dentro e fora da agricultura, os ativos produtivos, a capacidade organizacional e as práticas ambientais de seus beneficiários. O Projeto contará com investimentos totais, no período de 2011 a 2016, de US$ 37,1 milhões, sendo US$ 25 milhões financiados pelo FIDA e os restantes US$ 12,1 milhões provenientes de contrapartida do Estado da Paraíba.
Assessoria do senador Cássio Cunha Lima (PSDB-PB).

assessoria.