maio 11, 2012

Banco do Nordeste negociará dívidas de Agricultores atingidos pela Seca

Produtores rurais que  tiveram prejuízos financeiros decorrentes da estiagem já podem renegociar  suas dívidas junto ao Banco do Nordeste. Pela medida, que tem como base  resoluções do Conselho Monetário Nacional, prestações com vencimento entre 1°  de janeiro de 2012 e 1° de janeiro de 2013 poderão ser prorrogadas, com  parcelamentos que podem chegar a cinco anos. Serão beneficiados produtores rurais de qualquer porte, desde que suas operações de  custeio ou investimento estejam em situação de adimplência em 31 de janeiro  de 2012. Para serem contemplados, os empreendimentos devem estar localizados em municípios da região Nordeste em situação de emergência ou estado de  calamidade pública decretado após 1° de fevereiro de 2012.
Para  os agricultores incluídos no Pronaf que praticam a agricultura familiar  e sem cobertura do Proagro, a renegociação do vencimento pode ser feita  por até cinco anos. As condições de renegociação são: Custeio  da safra 2011/2012 – Em até cinco parcelas anuais, com vencimento  da primeira em até um ano após formalização da renegociação; Custeio  de safras anteriores e investimento (exceto operações BNDES/Finame) Em  até um ano após o vencimento da última parcela vincenda constante do atual  cronograma de reembolso da operação; Investimento  com recursos da Finame/BNDES – Incorporação ao saldo devedor e  redistribuição nas parcelas vincendas/restantes ou prorrogação para até um  ano após o vencimento da última parcela a vencer, constante do atual  cronograma de reembolso da operação.