Prefeitos querem aumentar os recursos do FPM em R$ 2,5 bi

Os recursos serão acrescidos com o aumento dos coeficientes de repasse de 0.6 e 0.8 para 1.0


Um projeto da União Brasileira dos Municípios (UBAM) foi apresentado na Câmara Federal pelo deputado Wilson Filho (PMDB-PB) que prevê um aumento no repasse dos recursos do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) em R$ 2 bilhões e meio.

Os recursos serão acrescidos com o aumento dos coeficientes de repasse de 0.6 e 0.8 para 1.0. A reformulação do pacto federativo é esperado pela entidade representativa dos gestores municipais já para o próximo mandato.

O presidente da entidade, Leonardo Santana, a desoneração de impostos dos últimos três anos vem diminuindo os recursos repassados e por isso comprometendo o caixa dos municípios.


Além da redução dos impostos que compõem o FPM, como IPI, Cide e IR, os prefeitos reclamam também da inflação. O aumento no coeficiente de repasse do FPM vai beneficiar principalmente, conforme a UBAM, os municípios com menos de dez mil habitantes cujas prefeituras não têm outra fonte de arrecadação. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

População de Nova Floresta lamenta o falecimento do ex- vereador João Bolinha.

Parlamento terá dia especial no Fórum Mundial da Água

Wilson Santiago e Wilson Filho são recebidos por lideranças politicas em Ingá