março 30, 2012

A volta por cima: sete anos após operação Confraria, Cícero Lucena recebe homenagem da Polícia Federal

                             Cicero Lucena ao lados dos também homenageados senadores Eunicio Lopes    e Valdir Raupp (Crédito: Assessoria)

 

 
O dia 21 de julho de 2005 foi sem sombra de dúvidas, o pior dia da vida do ex-prefeito de João Pessoa e hoje senador da República, Cícero Lucena. Na manhã daquela quinta-feira, a Polícia Federal desencadeava a tão propalada “Operação Confraria” que culminou com a prisão de Cícero e mais sete pessoas. Pois bem, como diz o ditado popular, o mundo dá voltas e quase sete anos depois de ter sido preso pela Polícia Federal, o senador paraibano foi homenageado pela mesma Polícia Federal com o entrega de uma medalha e um diploma “Deferência Federal”.
A homenagem aconteceu na noite desta quarta-feira, 28, em Brasília, com a e foi concedida pelas entidades de classe representativas da Polícia Federal. A homenagem faz parte das comemorações dos 68 anos do Departamento da Polícia Federal. Além do senador Cícero Lucena, foram homenageados a Corregedora Nacional de Justiça, Eliana Calmon, o ministro do Supremo Tribunal Federal, Dias Toffoli; o presidente do Tribunal de Contas da União, Benjamin Zymler; o ministro do Superior Tribunal de Justiça, Marco Aurélio Bellizze; o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil, Ophir Cavalcanti; os governadores do Mato Grosso do Sul, André Puccinelli; Piauí Wilson Martins e Distrito Federal, Agnelo Queiroz. Os senadores Valdir Raupp (PMDB- RO) e Eunício Oliveira (PMDB-CE) e o deputado federal e primeiro-secretário da Câmara, Eduardo Gomes (PSDB-TO).

A comenda significa o reconhecimento público das entidades representativas da Polícia Federal ao senador Cícero Lucena, que passa a ser detentor da mais alta distinção pelo fato de notoriamente ser reconhecido pela excelência das suas ações, exemplo a ser seguido pelos seus pares e pelas gerações vindouras, orgulho de cidadania e interesse pela segurança publica nacional.
A comenda foi concedida pelo Sindicato Nacional dos Servidores do Plano Especial de Cargos da Polícia Federal, Associação Brasileira dos Papiloscopistas Policiais Federais, Associação Nacional dos Servidores da Polícia Federal, Associação Nacional dos Peritos Criminais Federais, Sindicato dos Delegados da Polícia Federal, IPA Brasil 27 e Academia Brasileira de Arte, Cultura e História.
Acompanhado da sua esposa, a ex-vice-governadora, Lauremília Lucena, o senador agradeceu a homenagem conferida pela entidade e parabenizou pelos seus 68 anos de serviço prestado ao país.
 
Wscom 

Nenhum comentário:

Postar um comentário