abril 06, 2011

Prefeitos de Sousa, Imaculada e Nova Olinda escapam de cassação pelo TRE


A corte decidiu pela improcedência de recursos contra os prefeitos Fábio Tyrone (Sousa), José Ribamar da Silva (Imaculada); e Maria do Carmo Silva (Nova Olinda)

Três prefeitos paraibanos escaparam de ter os respectivos mandatos cassados pelo Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB), durante sessão nesta terça-feira (5). A corte decidiu pela improcedência de recursos contra os prefeitos Fábio Tyrone (Sousa), José Ribamar da Silva (Imaculada); e Maria do Carmo Silva (Nova Olinda).

Os prefeitos Fábio Tyrone e José Ribamar da Silva estavam sendo acusados de prática de conduta vedada nas eleições de 2008. Já a prefeita Maria do Carmo Silva, de Nova Olinda, era acusada de captação ilícita de sufrágio durante o pleito suplementar que lhe deu o comando da prefeitura. Os três recursos foram rejeitados por falta de provas.

A prefeita de São José dos Ramos, Maria Aparecida Gonçalves, que é acusada de uso da máquina pública nas eleições de 2008, teve o julgamento adiado, por causa de um pedido de vistas da juíza Niliane Meira.

Já o prefeito de Fagundes, Gilberto Muniz Dantas teve processo retirado da pauta da sessão do Tribunal. As acusações que pesam sobre ele são de abuso de poder político e econômico.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem em destaque

Dezembro Vermelho

Ao longo deste mês, prédios públicos em todo o Brasil ficarão iluminados de vermelho para marcar a luta contra a aids. Além da iluminação, ...