abril 12, 2011

Mais chuvas: 22 açudes já sangram na PB

O serviço de meteorologia da Aesa prevê mais chuvas para as próximas 24 horas em todas as regiões do Estado com mais intensidade na faixa litorânea. A informação é da meteorologista Marle Bandeira ao adiantar que o tempo permanecerá nublado, mas com chuvas mais isoladas, com maior intensidade do Litoral ao Agreste do Estado. Já para as regiões do Sertão, Cariri e Curimataú, a previsão é de chuvas isoladas.


Até às 7 horas desta terça-feira (12) já haviam sido detectados 96 locais de chuvas no Estado, com maior intensidade na cidade de Cabedelo, que registrou 80 milímetros de chuva. Além disso, 22 barragens no Estado já estão sangrando.



No final de semana, particularmente entre sábado e domingo, as chuvas se concentraram principalmente na Capital com pico máximo de 80 milímetros, causando vários transtornos a população.


Três meteorologistas da Aesa, em Campina Grande, estão realizando o trabalho de monitoramento do tempo no Estado com o objetivo de dar apoio aos demais órgãos, tais como Defesa Civil estadual, Corpo de Bombeiros Militar, prefeituras municipais, secretarias estaduais de Infra estrutura, Recursos Hídricos e Agricultura que trabalha no planejamento do plantio e da safra agrícola.

O Corpo de Bombeiros Militar da Paraíba está mantendo equipes de plantão para atendimento de urgência a população, tanto da Grande João Pessoa com nos demais municípios do Estado.


João Pessoa conta com equipes no quartel do comando geral, 1º Batalhão, no bairro de Mangabeira e o Batalhão de Busca e Salvamento, no bairro do Cabo Branco.


Açudes - De acordo com último boletim divulgado pela Aesa, 22 açudes estão sangrando, mas nenhum apresentava risco às populações ribeirinhas. 86 reservatórios estão com capacidade armazenada superior a 20% do seu volume total.


Nove reservatórios estão em observação porque está com 20 por cento da capacidade menor do seu volume total e apenas dois reservatórios apresentavam situação crítica, ou seja, está menor que 5% do seu volume total.


O maior açude monitorado pela Aesa, o Epitácio Pessoa (Boqueirão) está sangrando, o mesmo acontecendo com o Mucutu (Juazeirinho), São Gonçalo (Sousa) e Tavares II, no município de Tavares.


De acordo com o boletim da agencia, também estão sangrando os açudes de Araçagi (Araçagi), Cachoeira da Vaca (Cachoeira dos Índios), Bom Jesus (Carrapateira), Video (Conceição), Gurjão (Gurjão), Piranhas (Ibiara), Cochos (Igaracy), Cachoeira dos Alves (Itaporanga), Glória (Juru), Jangada (Mamanguape), Catolé I (Manaíra), São José II (Monteiro), Prata II (Prata), Poço Redondo (Santana de Mangueira), Serra Branca I (Serra Branca), São José I (São José de Piranhas), São José III (São José dos Cordeiros), São José IV (São José do Sabugi) e Gamela, no município de Triunfo.

Secom-PB

Nenhum comentário:

Postar um comentário