Governador visita Camará e busca parceria com Governo Federal para problema de falta d’água

Governador visita Camará e busca parceria com Governo Federal para problema de falta d’água no Brejo

O governador Ricardo Coutinho visitou o local onde funcionava a barragem de Camará, no município de Alagoa Grande, na manhã desta segunda-feira (4), e discutiu com prefeitos e moradores do Brejo paraibano, soluções para os problemas de abastecimento d’água na região. O governador anunciou a formação de uma comissão que pretende estudar inclusão do assunto na pauta dos projetos que serão incorporados à segunda etapa do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2).

“Estamos atendendo o convite do prefeito Nobinho (Esperança) e do prefeito João Bosco Carneiro Jr (Alagoa Grande), no sentido de estudar a viabilidade das soluções. Nosso Governo é um governo pautado no diálogo e na participação. Vamos ainda hoje à Brasília, onde pretendemos discutir com a presidente Dilma e a Ministra do Planejamento, Mírian Belchior, as melhores opções para Paraíba, dentro dos recursos do PAC-2”, avaliou Ricardo.

Ricardo Coutinho apontou algumas das possíveis soluções para o problema e convidou os prefeitos a formarem uma comissão junto com o Governo do Estado, no sentido de avaliar e apontar um projeto viável, em benefício de toda população da região. Para ele, há a opção por Manguape, listada nas obras do PAC-2; pela barragem de Macaíba e ainda a construção de uma nova Camará.

“Mas não podemos cometer o erro de dizer que o abastecimento está comprometido porque Camará deixou de funcionar, quando na realidade, Camará nunca abasteceu ninguém. Temos que fazer um serviço completo na construção das barragens e das adutoras”, ressaltou o governador.

O governador estava acompanhado dos prefeitos de Esperança, Nobinho e Alagoa Grande, João Bosco, além do deputado estadual Edmilson Soares e dos secretários da Casa Civil, Lúcio Flávio Vasconcelos, Interiorização, Adriano Galdino e de Meio Ambiente e Recursos Hídricos, João Azevedo.

Segundo o secretário João Azevedo, este é o primeiro contato que o Governo do Estado faz com as lideranças locais. A intenção é unir forças políticas e técnicas para a solução dos problemas de abastecimento d’água. “O governo Ricardo Coutinho mostra a população que está disposto a resolver os problemas que atingem à região. Estamos unindo forças com o presidente da Cagepa e lideranças locais para averiguar o que é melhor e mais viável neste sentido”, frisou.

Tragédia em Camará

Após o rompimento da barragem em junho de 2004, fora iniciado um trabalho de reconstrução, embargado pelo Ministério Público Federal, que ingressou com seis medidas judiciais contra as construtoras responsáveis pela obra. O processo, que ainda aguarda sentença, tramita na 3ª Vara da Justiça Federal, em João Pessoa, e impede qualquer tipo de intervenção na obra

do pb agora

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Parlamento terá dia especial no Fórum Mundial da Água

CNM convoca gestores para mobilização no Congresso Nacional nos dias 7 e 8 de agosto

População de Nova Floresta lamenta o falecimento do ex- vereador João Bolinha.