Reunião na Secom é a portas fechadas; clima é de expectativa por um desfecho favorável

O clima é de apreensão e expectativa para um desfecho favorável na Secom do Estado, no Centro Administrativo, onde nesse momento acontece uma reunião de negociação entre o secretário de Comunicação Nonato Bandeira e representantes do movimento grevista dos policiais da Paraíba. O encontro começou há cerca de meia hora e é a portas fechadas.

Leia mais Correio da Manhã intermedia negociação entre Governo e PMs

Além de Nonato Bandeira, a secretária de Finanças Aracilba Rocha participa das negociações.

Entre os policiais estão Major Fábio; Coronel Francisco, presidente do Clube dos Oficiais; Isaías Olegário, presidente da Sindicato dos Delegados; Steferson Nogueira, vice presidente da Associação de Defesa das Prerrogativas dos Delegados da Paraíba - Adepdel; Marcílio Braz, presidente da Associação dos Subtententes, Sargentos da Paraíba e Coronel Maquir Cordeiro, presidente da Caixa Beneficente dos Oficiais e Praças.

Ao entrar para as negociações, o major Fábio disse em entrevista ao radialista Roberto Targino que o movimento no Estado é de cem por cento.

Quanto a Associação dos Policias Civis - Aspol ter em nota declarado que não os policiais civis não participam do movimento, Major Fábio afirmou que fazem parte da entidade apenas peritos, escrivãos e motoristas e muitos estão em greve porque também participam de outros sindicados que aderiram ao movimento.


do
portal correio

Luciana Rodrigues, com informações de Roberto Targino, da Correio Sat

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

População de Nova Floresta lamenta o falecimento do ex- vereador João Bolinha.

Parlamento terá dia especial no Fórum Mundial da Água

Wilson Santiago e Wilson Filho são recebidos por lideranças politicas em Ingá