fevereiro 08, 2010

Imprensados 2010 Saimos neste Domingo da praia do cabo branco.











Saúde: Barreto: Ricardo forjou pacientes no Santa Isabel para burlar TAC da Saúde

Na noite deste domingo, o Professor Francisco Barreto denunciou com exclusividade ao fatospb o que ele intitulou de ' forja de pacientes no Hospital Santa Isabel'. Barreto acusou o prefeito Ricardo Coutinho e a Secretária de Saúde, Roseana Meira, de terem praticado um verdadeiro ‘faz de conta’, na tentativa de burlar o Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) assinado com a Curadoria da Saúde.
Em um trecho da denúncia o Professor Barreto diz o seguinte:
‘Para desafogar o Hospital de Traumas – Humberto Lucena, foi determinado (mediante TAC) a imediata, até 10 de Fevereiro/2010 a disponibilização de 30 leitos para pacientes operados em convalescência transferidos do Hospital de Trauma/H. Lucena.
Durante a recente visita-inspeção no dia 02 de Fevereiro, foram transferidos pacientes clínicos, não eram cirurgiados e não de CTI (não oriundos do Hospital Humberto Lucena) foram ocupados os leitos exigidos para dar a impressão do cumprimento da exigência da Curadoria da Saúde.
Superlotou apenas para “fazer de conta” o cumprimento exigido.
Para conferir se isto é verdade, ou seja, de onde vieram os doentes, a Promotora deveria ter mandado conferir os prontuários médicos, não o fez’.
Barreto também denunciou o caos em que se encontra o Hospital Santa Isabel., indo mais além, expondo detalhes de abandono e fazendo críticas à falta de respeito do prefeito Ricardo Coutinho com a população carente, referindo-se aos 70 leitos fechados no hospital.
‘O Santa Isabel antes de fechar as portas em 2008 atendia cerca de 350 pacientes/ortopedia dia, com capacidade máxima de 40 pacientes internos para cirurgia/dia’, informou Barreto.
‘Isso é lamentável, a Prefeitura que tem como gestor o Prefeito Ricardo Coutinho deve respeitar a população carente, esse povo não tem alternativa, sofrem com o desprezo da edilidade, com a ausência de espaços para pronto atendimento e ainda precisam mendigar um acolhimento mesmo sabendo que terão que conviver com a superlotação’, lamentou Barreto.
O Professor Francisco Barreto foi enfático ao dizer que a instalação de serviços de urgência cardiológica e neurológica anunciados pelo prefeito não existem. ‘O prefeito anunciou a instalação de serviços de urgência cardiológica e neurológica que não existem. O que o hospital dispõe de fato, é de apenas uma UTI com dez leitos’, dispara Barreto.
Barreto ainda acusou o Prefeito Ricardo Coutinho de ter bloqueado a entrada da Maternidade Santa Isabel com uma parede de tijolos. ‘Fechada a Maternidade Santa Isabel, na administração de RC a entrada foi bloqueada com parede de tijolos, ficou sem utilização os aptos, as salas de parto, os serviços neonatais, berçários e etc’, denunciou Barreto.
‘Deve o Promotor do Direito do Cidadão, Doutor Valberto Cosme de Lira, acompanhar a Promotora Dra. Maria das Graças Azevedo e fazerem uma inspeção in loco, o idoso tem que se locomover em piso de paralelos de cerca de 250m, sem corrimãos e trafegar no meio dos automóveis, não existem rampas padronizadas de acesso para cadeirantes’ disse Barreto.
O Professor Francisco Barreto finalizou pedindo mais rigor nas inspeções e informando que a Prefeitura juntamente com a Secretaria de Saúde recebem verbas do SUS, devendo portanto, manter os serviços ativados e atender o exigido pela “pactuação intermunicipal”, já que além de obrigação, é questão de prioridade.
Abaixo mais um trecho da denúncia do Professor Francisco Barreto:
‘Deveria ter visitado o estado de “desativação” de serviços médicos especializados, instalações físicas, e o porque desta “ incompetência e irresponsabilidade estrutural”.
A PMJP ao ter a “gestão plena de saúde pelo SUS” tinha a obrigação de manter os serviços ativados e atender o exigido pela “pactuação inter-municipal”. Recebe recursos federais e municipais para isto.
A Curadoria de Saúde deveria ter feito uma inspeção mais rigorosa e aprofundada sobre o caos que está no Hospital Santa Isabel, e os riscos que representam para vida e a morte dos pacientes, que por infelicidade procuram e não encontram atendimento médico de urgência’, finalizou Barreto.
Ainda hoje divulgaremos na íntegra o relatório da denúncia do Professor Francisco Barreto enviado a nossa redação.

Do portal FatosPB

Rodrigo Soares diz que meta ao assumir a presidência do PT é avançar no diálogo e manter a aliança com o PMDB

Com posse prevista para o dia 26 deste mês, o presidente eleito do Partido dos Trabalhadores (PT) na Paraíba, deputado estadual Rodrigo Soares, afirmou que os grandes desafios são consolidar a unidade interna para as eleições deste ano e avançar no diálogo com os partidos aliados e “que na Paraíba, governam o Estado ao nosso lado”. Ele se refere ao apoio à pretensa candidatura do governador José Maranhão à reeleição.

“O PT pela primeira vez chega ao governo, com o vice-governador Luciano Cartaxo. Então, vamos consolidar esse processo de diálogo para que possamos com as forças políticas e sociais, que estão conosco no projeto nacional, construir também aqui na Paraíba um grande projeto em sintonia com o governo Lula”, declarou o parlamentar.

Sobre as declarações do presidente nacional do PT, Ricardo Berzoini, que defendeu ser o caminho mais produtivo para a legenda apoiar José Maranhão, Rodrigo Soares afirmou: “As palavras de Berzoini se resume a uma expressão: coerência na política”. Rodrigo tem defendido a manutenção da aliança com Maranhão para as eleições deste ano.

“Desde 2002 que nós temos uma relação importante com o PMDB na Paraíba”. Ressaltou ainda que o PMDB tem sido correto com o PT nacional, apoiando o presidente Luiz Inácio Lula da Silva e que a eleição do deputado federal Michel Temer para presidente nacional do PMDB e a sinalização de apoio à pré-candidatura da ministra Dilma Rousseff faz com que o PT caminhe para uma aliança com o PMDB na Paraíba.

Perguntado sobre o que irá fazer para unir o PT, que tem algumas alas divergentes ao apoio a Maranhão, Rodrigo disse que o que existem hoje são “opiniões diferentes”. E garantiu: “Isso nós vamos, com muito diálogo, convencer as pessoas de que o partido deve seguir o caminho da aliança daqueles que estão realmente conosco no projeto nacional”.

Ele lembra que o PSB, que esteve junto com o PMDB e o PT até as eleições de 2008, se aliou ao Democratas. “O prefeito Ricardo Coutinho anda de braços dados com o senador Efraim Morais, que foi o algoz do governo Lula nesses oito anos. Foi aquele que de maneira destrutiva fez oposição ao nosso governo. Ele tentou o tempo inteiro desconstruir a imagem do presidente Lula”, lamentou.

E analisou: “Ricardo e Efraim, de braços dados, mostra que esse bloco não está no projeto do PT. Não dá de maneira alguma para nós aprofundarmos (uma aliança). Por outro lado, temos o PMDB, o PCdoB, o PRB, que já governam junto conosco o Estado. Quem sabe podemos construir uma nova aliança e que esses partidos estejam juntos novamente”.

Piso nacional para agentes de saúde agora é lei

O piso nacional para agentes de saúde foi promulgado na quinta-feira (4 de fevereiro), no Congresso Nacional, em Brasília.

A promulgação foi assinada pelo presidente da Mesa, senador José Sarney. A emenda constitucional 63 prevê um piso salarial para agentes comunitários de saúde e tem origem na PEC 391/09, do deputado Raimundo Gomes de Matos (PSDB-CE), e foi aprovada no ano passado.

A Emenda prevê que uma lei federal definirá um piso salarial nacional para os agentes comunitários de saúde e as diretrizes para seu plano de carreira, cuja formulação caberá aos estados e municípios

Em Alagoa Grande, Maranhão anuncia obras para desenvolver turismo religioso na Paraíba


O governador José Maranhão, que participou neste domingo de uma solenidade religiosa em Alagoa Grande, anunciou obras e parcerias para restaurar templos e pontos turísticos e, dessa forma, consolidar o turismo religioso no estado.

“Estamos apoiando com obras o Cristo Redentor de Itaporanga, a Cruz da Menina de Patos, os Santuários de Frei Damião, Nossa Senhora de Fátima, na Pedra da Boca e Santa Fé, no Brejo, além de recuperação de igrejas”, afirmou. O governador lembrou que, nos seus governos anteriores, apoiou a recuperação do Convento de São Francisco e o Mosteiro de São Bento, em João Pessoa. A Igreja de Nossa Senhora da Boa Viagem, em Alagoa Grande, vai receber novo telhado para manter sua originalidade e outros benefícios indispensáveis para sua preservação.

Acompanhado de auxiliares, o governador foi recepcionado pelo monsenhor José Nicodemos, pároco da Igreja Nossa da Boa Viagem, que presidiu a festa religiosa, que marcou a padroeira da cidade, começando por uma procissão e missa campal, que teve a participação de milhares de fieis romeiros. “Tenho um cuidado muito grande pelos prédios religiosos,k porque representam um marco da fé do povo e são históricos”, comentou Maranhão.

Para monsenhor Nicodemos, a procissão de Nossa Senhora da Boa Viagem é uma das maiores do Brejo, porque atrai romeiros de diversas cidades da região, somente comparada a de Nossa Senhora da Luz, em Guarabira, a de Nossa Senhora da Piedade, em Arara, e a de Nossa Senhora do Livramento, em Bananeiras, na Diocese de Guarabira. “Agradeço aos que participaram da novena e daqueles que estiveram participando da procissão, inclusive o governador José Maranhão que veio prestigiar nos prestigiar no dia de hoje”, afirmou.

Sobre a parceria do governo com a Diocese de Guarabira, que tem permitido a recuperação dos três santuários e de igrejas, o monsenhor Nicodemos disse que é uma coisa que marca a Igreja no Brejo, conhecida como dos santuários. “São lugares que polarizam um grande número de romeiros. Durante os finais de semana, por exemplo, milhares de peregrinos vêm visitar o Memorial de Frei Damião, cada vez mais se tornando um ponto do turismo religioso. Pessoas que vem de todo o Estado, de Pernambuco, do Rio Grande do Norte e até do Ceará”, comentou.

“Acredito que a tendência é melhorar, sobretudo porque está havendo um investimento muito importante por parte do Governo do Estado nestes santuários, inclusive, no final do ano passado o governador se comprometeu em dar um grande impulso ao Santuário de Frei Damião, que é um dos mais visitados, e acreditamos que com isso vai incrementar e motivar esse número de peregrinos. Nossa região é privilegiada, tem um povo multo religioso, muito católico e muito devoto de Frei Damião e Padre Ibiapina e também muito participativo na vida de Igreja”, destacou o monsenhor.

O governador estava acompanhado dos secretários Marcelo Weick, da Casa Civil e Giucélia de Figueiredo, do Desenvolvimento Humano, além dos deputados Rodrigo Soares, Raniery Paulino, do vice-prefeito de Alagoa Grande, José Wamberto da Silva.

São Sebastião – Também na noite domingo (7), o governador José Maranhão participou da Festa de São Sebastião, padroeiro de Araçagi, próximo de Guarabira, atendendo convite do prefeito Onildo Câmara e dos padres Gaspar Rafael Nunes da Costa e Nilson Nunes. O governador justificou que não participou da procissão, durante a tarde, devido ao compromisso anteriormente assumido com o pároco de Alagoa Grande, onde aconteceu também o enceramento da novena de Nossa Senhora da Boa Viagem.

O governador cumprimentou participantes da festa e depois assistiu show musical em camarote de amigos.

do wscom com secon