julho 19, 2010

O legado de Wilson Leite Braga

Postado por Walter Santos em 18/07/10 as 21:26




O domingo de Missa na Igreja do Altiplano Cabo Branco teve uma pauta especial a mexer com a história política contemporânea da Paraíba por uma razão simples: fiéis e convidados lá estiveram comemorando 79 anos do deputado federal Wilson Braga.


Até onde a vista alcançou a Igreja atraiu muita gente leal ao ex-governador, como sempre acompanhado da esposa Lúcia Braga – seu maior abrigo de solidariedade e de aperreios políticos depois transformados em superação plena.

Wilson Braga já atraiu muito mais políticos em torno de si. O tempo passa e com ele chega a peneira da vida separando definitivamente o joio do trigo,ou seja, os “amigos” da conveniência dos aliados de sempre.


Chegar a este tempo ainda se dispondo a se candidatar mais uma vez, agora para deputado estadual, é o maior dos atestados de que Wilson Braga é um animal político indormido feito cantiga de grilo sem parar um minuto sequer. É o estilo que ele construiu para si e levará para sempre enquanto vida tiver.

No meu começo de vida profissional como estudante do Curso de Comunicação na UFPB (antigo DAC) e depois repórter, redator e Editor dos principais jornais do Estado sempre via Wilson Braga com olhar atravessado porque ser da Arena, PDS e por aí,como ele foi, sempre significou convivência com o conservadorismo e a prática velha de se fazer política no País.

Mas, o tempo como senhor da razão, me fez ir devagar e sempre chegando mais próximo do então governador, depois candidato a vários cargos convivendo com denúncias indigestas mas que, no decorrer da história, nada chegou a lhe condenar pelos tribunais medonhos porque muito do que foi acusado significou pura perseguição de adversários.

Foram o “troco” do jogo duro que ele jogou lá atrás obrigando – o a se reciclar muito dentro do possível, porque ninguém muda por inteiro uma vida de hábitos conservados. O jeito às vezes áspero dele falar não encobre a figura humana que sempre povoou o espírito e muitas das atitudes de Wilson Braga.

De lá para cá o acompanho sem intimidades, mas consciente de que a Paraíba deve muito ao seu histórico de governante, não só pelo legado extraordinário produzido pelo Projeto Canaã ( releve – se o papel de José Silvino), o Estatuto do Servidor Público, milhares de casas populares e de políticas que já amenizaram a agonia de muita gente desta Paraíba afora.

Neste domingo, como disse, o tempo exibiu a face de Wilson Braga com a mesma feição de sempre – sabido, águia, tanto quanto solidário com sua gente, também determinado a dar sua contribuição derradeira na Assembléia Legislativa algo que, se muitos dos cidadãos e cidadãs desta terra tiveram vergonha na cara, deveriam oferecer o voto como reconhecimento a uma história dedicada à amizade e aos mais necessitados com muito serviço prestado à Paraíba.



Como diria o Velho Chacrinha, ele merece.

do wscom

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem em destaque

Dezembro Vermelho

Ao longo deste mês, prédios públicos em todo o Brasil ficarão iluminados de vermelho para marcar a luta contra a aids. Além da iluminação, ...