abril 27, 2010

Estado vai investir R$ 282 milhões em estradas de 80 municípios



O governador José Maranhão anunciou no programa semanal de rádio ‘Palavra do Governador, na manhã desta terça-feira (27), que o Diário Oficial do Estado publicará esta semana o edital para a licitação internacional referente ao contrato de empréstimo junto à Corporação Andina de Fomento (CAF). Os R$ 282 milhões do contrato com a CAF vão ser aplicados na pavimentação de 649 quilômetros de estradas de terra e na restauração de outros 369 quilômetros de rodovias, totalizando 1.018 km. As obras beneficiarão diretamente as populações de 80 cidades localizadas nas regiões do Brejo, Sertão, Curimataú, Cariri, Litoral e Agreste da Paraíba.

Em resposta à médica Lúcia Maria, natural da cidade de Curral Velho e a Irenaldo Freire, do município de Olivedos, ambos ouvintes do ‘Palavra do Governador’, José Maranhão assegurou aos dois que, agora sim, a população de Olivedos e de Curral de Cima, a exemplo dos outros 78 municípios contemplados com o empréstimo internacional, podem comemorar as obras de pavimentação e recuperação de estradas vão ser executadas. Em Curral Velho, a PB-370 – entroncamento com a PB-386, será pavimentada no trecho de 17 quilômetros. Em Olivedos, o trecho a ser pavimentado será de 14 quilômetros, ligando a cidade à BR-230.

O governador destacou que a assinatura do contrato com a Corporação Andina de Fomento, realizada na última segunda-feira no Palácio da Redenção, “é um acontecimento histórico na economia da Paraíba e na vida social das pessoas”, afirmou. Maranhão disse que muitas das 80 cidades contempladas não têm ligação asfáltica. “Agora, com a assinatura desse contrato, abre-se uma perspectiva nova para restaurar as estradas danificadas e ao mesmo tempo construir estradas novas para municípios que não contam ainda com esse benefício”, comemorou Maranhão, acrescentando que as rodovias se constituem em uma das obras mais importantes para o desenvolvimento das cidades e dos Estados em qualquer lugar do mundo.


Da Secom-PB

Nenhum comentário:

Postar um comentário