fevereiro 01, 2010

Tribunal Regional Eleitoral começa a julgar deputados infiéis hoje; primeiro da lista é Arnaldo Monteiro

O Tribunal Regional Eleitoral começa a julgar nesta segunda-feira (1º) os processos dos deputados infiéis. O primeiro da lista é o deputado Arnaldo Monteiro, que trocou a legenda do DEM pela do PSC. O deputado entrou com ação declaratória de justa causa, alegando que estaria ingressando em um partido novo, mas na verdade acabou por se filiar a um partido já existente, no caso o PSC.

A sessão do TRE também terá para julgamento processos que pedem a cassação de prefeitos do interior da Paraíba. Um deles, é o prefeito de Boqueirão, Carlos José Castro Marques (PTB), filho do suplente de senador Carlos Dunga.

Ele é acusado de captação ilícita de sufrágio. As acusações partiram da coligação Por Amor a Boqueirão (PMDB/PDT/PHS/PT do B/PSC), que moveu o Recurso Contra Expedição de Diploma nº 83.

Ainda consta da pauta de julgamento o recurso eleitoral envolvendo o prefeito de Catolé do Rocha, Edvaldo Caetano da Silva (PTB). O processo trata de abuso de poder político e de autoridade, uso promocional de serviços públicos e aplicação de multa.

Do Lana Caprina

Nenhum comentário:

Postar um comentário