julho 15, 2009

Wilson Braga participa da homenagem dos 30 anos de reconstrução da UNE


O deputado federal Wilson Braga (PMDB/PB) participou da sessão solene em homenagem aos 30 anos de reconstrução da União Nacional dos Estudantes – UNE, realizada no Plenário da Câmara, nesta quarta-feira 15. Essa sessão foi requerida pelas deputadas Alice Portugal (PCdoB/BA) e Manuela D’Ávila (PCdoB/RS).
Braga, ao lado da atual presidente da UNE, Lúcia Stumph, fez um pronunciamento emocionado e na ocasião recordou os tempos quando a entidade estudantil promovia grandes movimentos nacionais, em frente à sede, na Praia do Flamengo.
Durante o discurso, Braga deixou um abraço às requerentes da sessão, a todos os dirigentes e ex-dirigentes da UNE e a todos os estudantes brasileiros.
“Quero dizer também que participei da UNE como conselheiro, no tempo que a mesma era presidida por Raimundo do Eirado. Nós defendíamos tudo que havia de errado neste país e defendíamos os interesses da classe universitária brasileira”, finalizou Braga.

Romário passa noite em sala sem grades e recusa comer na delegacia


Preso no fim da tarde de terça-feira acusado de não pagar pensão alimentícia, Romário teve que passar a noite em uma delegacia da Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro. O ex-jogador está detido em uma sala sem grades enquanto aguarda a liberação do juiz responsável pelo caso. Um amigo do Baixinho comprou um jantar em um restaurante próximo ao 16ª DP, mas Romário se recusou a comer.

Segundo informações do jornal Extra On-Line, pouco antes das 22h, Picapau foi a um restaurante da Barra da Tijuca e comprou uma quentinha com costela à gaúcha, molho à campanha, aipim e batata cozida. Após alegar falta de apetite, o ex-jogador rejeitou o jantar.

Romário se encontra em uma sala de identificação da 16ª Delegacia de Polícia. O Baixinho tem a companhia de outros dois homens, que também são acusados de não pagar pensão alimentícia.

O ex-jogador negocia o pagamento da dívida, mas, como informou a SSP (Secretaria de Segurança Pública do Rio de Janeiro), a liberação do juiz Antonio Aurelio Abi-Ramia Duarte ainda é aguardada. O processo contra Romário foi movido pela sua ex-mulher Mônica Santoro.

O Baixinho tem dois filhos com Mônica: Moniquinha e Romarinho. Em 2004, o ex-jogador também havia sido preso por não pagar pensão alimentícia em ação também movida pela sua ex-mulher. "Não é a primeira vez que isso acontece, mas desta vez nós pensávamos que era em relação a um problema aqui do condomínio", disse um funcionário do condomínio.

Uma viatura da Polícia Militar chegou ao condomínio de luxo onde Romário mora, na Barra da Tijuca, no meio da tarde de terça-feira. Um oficial de Justiça entregou a intimação a Romário, campeão com a seleção brasileira na Copa do Mundo de 1994.

Recentemente, Romário foi condenado em primeira instância pela Justiça do Rio de Janeiro a pagar uma indenização de R$ 5,5 milhões a um casal de vizinhos por um vazamento em sua piscina no apartamento dos condôminos.

Os vizinhos alegaram que o ex-atacante não tomou nenhuma providência para reparar o problema e não tentou fechar um acordo. Segundo moradores do prédio, Romário também estaria devendo o condomínio de sua cobertura, de cerca de 800 m². O imóvel está avaliado em mais de R$ 7 milhões e também seria alvo de disputa na Justiça com a ex-mulher.

Do Uol Esportes

Empréstimo: Maranhão classifica como ‘grandeza e espírito público’ aprovação de projeto pela Oposição

O governador José Maranhão, que concede entrevista coletiva hoje comemorou a decisão dos parlamentares em aprovar o projeto de empréstimo de R$ 191 milhões pelo Banco Nacional do Desenvolvimento Social (BNDES). Segundo Maranhão, a Oposição agiu com “grandeza e espírito público” ao distinguir o interesse coletivo do interesse partidário.

“É um projeto que só traz benefício e dificilmente se compreenderá que qualquer deputado tenha votado contra. Aliás, a Paraíba foi o último estado que aprovou o empréstimo, que foi criado pelo Governo Federal, diante da queda assustadora na receita, para compensar as perdas dos estados”, explicou Maranhão.

Entretanto, o empréstimo da Paraíba, segundo ele, não corresponde à queda verificada de janeiro até julho. “Nós tivemos uma queda de R$ 236 milhões e vamos receber apenas R$ 191 milhões”, completou.

do wscom

Empréstimo: Gervasinho contrapõe discurso de Mineral; ‘Não há motivo para ter receio’, diz

O deputado estadual Gervásio Filho (PMDB), líder do Governo na Assembleia Legislativa, combateu o discurso do colega oposicionista Antônio Mineral, respondendo que não há motivo para ter receio da não aplicação dos recursos provenientes do empréstimo de R$ 191 milhões oferecido à Paraíba pelo BNDES.

“Entendo a fala dele, mas não concordo. O repasse vai acontecer, ainda este ano, e a Paraíba só tem a ganhar. Com a experiência e a seriedade do governador José Maranhão, não há motivo para o receio que o deputado tem, de o dinheiro não ser investido”, disse.

Gervásio Filho relatou que as áreas de Educação, Saúde e Infra-estrutura serão as mais contempladas com os recursos do empréstimo, com a construção e recuperação de hospitais e escolas, e equipamentos que dinamizem e motivem a ação dos profissionais destas três áreas.

Gervásio foi ao Palácio da Redenção na manhã desta quarta-feira, aguardando o governador José Maranhão (PMDB), que dará entrevista coletiva a respeito do empréstimo.


do wscom