Maranhão defende mudança no Código Brasileiro do Ar para favorecer o turismo


Maranhão entende que no novo Código deveria ser inserida uma legislação especifica


Um novo Código Brasileiro do Ar foi defendido nesta sexta-feira (10) pelo governador José Maranhão durante a realização do Fórum dos Governadores do Nordeste, que acontece no Hotel Tambaú, em João Pessoa (PB). Ele considera que o atual está ultrapassado, carecendo de uma urgente modernização para se adequar às exigências de mercado do tráfego aéreo, e que possa favorecer o turismo regional.

O governador entende que no novo Código deveria ser inserida uma legislação especifica que pudesse coibir práticas altamente prejudiciais aos interesses do desenvolvimento nacional no que se refere a atuação das empresas de transportes aéreos.

A intervenção do governador Maranhão se deu depois que o ministro do Turismo, Luiz Barreto, fez sua explanação acerca dos preparativos para a realização da Copa do Mundo no ano de 2014, quando ressaltou que os Estados e as cidades sedes dos jogos deveriam preparar sua infraestrutura para receber os visitantes neste período.

O governador criticou, sobretudo, os vôos internacionais que, com relação a Paraíba, as pessoas utilizam o aeroporto de Recife. “As autoridades do governo devem concentrar uma discussão sobre a mudança da legislação do tráfego aéreo para coibir essa pratica que está matando a aviação da região Nordeste. As grandes empresas não se interessam pela viação regional”, comentou.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Parlamento terá dia especial no Fórum Mundial da Água

CNM convoca gestores para mobilização no Congresso Nacional nos dias 7 e 8 de agosto

População de Nova Floresta lamenta o falecimento do ex- vereador João Bolinha.