TSE inclui ação contra Marcio Roberto na pauta; deputado confia em absolvição

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) incluiu na pauta de julgamento da sessão plenária desta terça-feira 16 o recurso ordinário, de nº 1481, movido pelo Ministério Público Eleitoral (MPE) contra o deputado Marcio Roberto (PMDB) por abuso de poder político.

Inicialmente, o MPE moveu a ação contra o deputado no Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB), por entender que a Câmara de Vereadores de São Bento retardou o julgamento das contas de Márcio Roberto, quando ele era prefeito do município entre os anos de 1998 e 1999.

Os juízes do TRE entenderam que o alegado retardamento não seria suficiente para caracterizar abuso de poder político, nem contribuir para o deferimento do registro de sua candidatura a deputado estadual, rejeitando o recurso do MPE por quatro votos a dois.

Com a derrota no TRE, o MPE recorreu ao TSE, que já mandou para publicação no Diário da Justiça o pedido de inclusão de pauta para julgamento do recurso ordinário 1481, que pede a cassação de Roberto.

Em contato com a reportagem do WSCOM Online na tarde de hoje, o deputado disse que como o resultado no TRE foi favorável não acredita em reviravolta do caso no TSE.

“Como ganhamos aqui por quatro votos a dois, tenho fé em Deus que dará tudo certo no TSE, pois quando o direito é bom tudo fica mais fácil”, afirmou.

“A justiça falha, mas não tarda”, acrescentou.



do wscom

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Parlamento terá dia especial no Fórum Mundial da Água

População de Nova Floresta lamenta o falecimento do ex- vereador João Bolinha.

Wilson Santiago e Wilson Filho são recebidos por lideranças politicas em Ingá