Prefeito de Areia tem mandato cassado

O juiz da 11ª Zona Eleitoral de Areia, no Brejo paraibano, Edailton Medeiros, cassou o mandato do prefeito daquele município, Elson Cunha Lima Filho (DEM) e o vice, Ademar Paulino.

Os motivos da cassação foram denúncias de abuso de poder econômico e político. O prefeito teria aumentado abusivamente os gastos com saúde e contratado exageradamente prestadores de serviço.

O juiz Edailon Medeiros declarou o prefeito e vice de Areia inelegíveis por três anos, aplicou multa de 40 mil Ufirs e determinou a realização de novas eleições na município. O presidente da Câmara de Areia, Clodoaldo de Albuquerque (PR) é que irá assumir a prefeitura, pois o segundo colocado nas eleições, Paulo Gomes, não poderia assumir porque teve as contas rejeitadas e ficou inelegível. Os terceiro e quarto colocados não tiveram votos suficientes, pois somaram apenas 2 por cento das intenções de voto.

Mais cassação - O vereador do município de Monte Horebe, José Nilton Pereira teve o mandato cassado em sessão na noite desta segunda-feira (1º) do Tribunal Regional Eleitoral. De acordo com informações da Assessoria do TRE , o vereador tinha o pedido de registro de candidatura indeferido pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Parlamento terá dia especial no Fórum Mundial da Água

População de Nova Floresta lamenta o falecimento do ex- vereador João Bolinha.

TERMO DE DOAÇÃO