2a parte do FPM: Vale receberá "extra" de 274 mil : Itaporanga/Conceição 23 mil cada,Piancó/Coremas 19 mil cada e o resto 11 mil cada


A Secretaria do Tesouro Nacional (STN) divulgou nesta quarta-feira (10) o valor que cada Município brasileiro receberá em referência à variação negativa dos meses de abril e maio do Fundo de Participação dos Municípios (FPM). A transferência, prevista pela Medida Provisória (MP) 462/2009, prevê que o repasse de R$ 197,5 milhões seja realizado na próxima segunda-feira, 15 de junho.

Aqui no Vale do Piancó os municípios vão receber um total de R$ 274.729,54 mil, distribuidos da seguinte forma, pelos número de habitante: Itaporanga e Conceição, R$ 23.548,31 mil cada; Coremas e Piancó, R$ 19.623,58 mil cada; e os outros 16 municípios R$ 11.774,11 mil cada, são eles: Aguiar, Boa ventura, Catingueira, Curral Velho, Diamante, Emas, Ibiara, Igaracy, Nova Olinda, Olho d'Água, Pedra Branca, Santa Inês, Santana de Mangueira, Santana dos Garrotes, São José de Caiana e Serra Grande.
A primeira parte dessa ajuda foi depositada no último dia 15 de maio passado. Veja quanto cada município recebeu: (O Vale receberá “extra” de R$ 1,9 mi: Itaporanga e Conceição 168 mil cada, Piancó/Coremas 140 mil cada e o resto 84 mil cada; Lei foi publicada hoje)
O valor, de acordo com metodologia adotada pela STN, é calculado acumulando o montante de FPM recebido por cada Município de janeiro a maio de 2008 em relação ao mesmo período de 2009. “Com estes dois repasses, a totalidade de quase R$ 1 bilhão, valor previsto na MP, já está comprometida”, afirma o presidente da CNM, Paulo Ziulkoski, referindo-se ao total já depositado, R$ 952,8 milhões.
Em razão da metodologia utilizada, 357 Municípios – 6,4% das prefeituras do país – não receberão a complementação. Eles tiveram o valor nominal do FPM de janeiro a maio de 2008 menor em relação aos mesmos meses de 2009, ou seja, variação positiva. Nesta quarta-feira, a STN também divulgou uma orientação técnica sobre como deve ser classificada este tipo de receita na contabilidade do Município e o que incide ou não as vinculações constitucionais.
A entrega dos valores correspondentes às variações registradas a partir do mês de junho de 2009 ocorrerá, mensalmente, até o décimo quinto dia útil de cada mês, em caso de disponibilidade orçamentária ou até o quinto dia útil após a aprovação dos créditos orçamentários. Neste caso, a forma obedecerá à regra a ser fixada pela Secretaria do Tesouro Nacional do Ministério da Fazenda.
Confira:
Valor da 2.ª complementação recebido por cada estado
Lista dos valores que serão repassados a cada Município
Nota técnica da Secretaria do Tesouro Nacional

Postado por Ricardo Pereira

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Parlamento terá dia especial no Fórum Mundial da Água

População de Nova Floresta lamenta o falecimento do ex- vereador João Bolinha.

Wilson Santiago e Wilson Filho são recebidos por lideranças politicas em Ingá