março 15, 2009

Lula sugere que Dilma mostre seu lado 'mulher comum'

A ministra chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, foi orientada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva a mostrar seu lado de “mulher comum”, que tanto vai ao carnaval quanto à missa. “Mergulhe na cultura popular”, disse Lula à ministra. Na prática, o presidente quer que ela traduza números, cifras e dados sobre infraestrutura para o cotidiano do eleitor.

Não é à toa que, desde o carnaval, quando esteve em Pernambuco, ela tem aberto brechas na agenda para compromissos populares e vai começar a aparecer em programas de grande audiência, no rádio e na TV. Fã de Hebe Camargo, a ministra mandou flores para a apresentadora, que na semana passada fez 80 anos.

Dias antes, compareceu à missa do padre Marcelo Rossi: levantou as mãos para o alto, bateu palmas, tentou acompanhar o coro dos fiéis e ganhou fitas de Nossa Senhora Desatadora dos Nós.

Lula também recomendou a Dilma que não ingresse em nenhuma corrente do PT. A ordem é ser simpática com todas as tendências, para não causar ciumeira. Depois de se dedicar a conversas reservadas com políticos do antigo Campo Majoritário - integrado por Lula - e com a ala da ex-prefeita Marta Suplicy, Dilma comparecerá agora ao encontro da Mensagem ao Partido, previsto para os dias 21 e 22, no Rio.

Capitaneado pelo ministro da Justiça, Tarso Genro - que sempre torceu o nariz para a candidatura de Dilma -, o grupo lançará um manifesto de apoio à campanha da petista, a exemplo do que já fez a turma de Marta. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.



Da Agência Estado

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem em destaque

Dezembro Vermelho

Ao longo deste mês, prédios públicos em todo o Brasil ficarão iluminados de vermelho para marcar a luta contra a aids. Além da iluminação, ...