março 10, 2009

Entidades realizam hoje ato público contra Dom Aldo

Entidades representativas da sociedade farão hoje a partir das 14h desta terça-feira (10) um ato público contra a atitude do Arcebispo da Paraíba, Dom Aldo Pagotto, que suspendeu os direitos do deputado federal Luiz Couto atuar como sacerdote.

A concentração para a manifestação acontece na Praça João Pessoa, de onde segue em caminhada até a Praça Dom Adalto, conhecida como Praça do Bispo, na Capital.

De acordo com informações dos organizadores, o ato é 'um justo repúdio ao Arcebispo Dom Pagotto por suas posturas de intolerância e de arbitrariedade'. A manifestação tem o objetivo de dizer 'sim à coragem de Luiz Couto e não à intolerância e a truculência do Arcebispo Dom Pagotto'.

Durante o evento estará circulando um abaixo-assinado em apoio a Luiz Couto e músicos e artistas em geral estarão participando e 'expressando seus sentimentos através da arte'.

Entenda o caso - O Arcebispo da Paraíba, Dom Aldo Pagotto, no último dia 25, divulgou através de nota enviada à Imprensa que estava suspendendo os direitos do padre e deputado Luiz Couto de atuar como sacerdote.

A suspensão foi em represália a declarações que Luiz Couto fez numa entrevista dada ao Portal Congresso em Foco e que foi reproduzida pelo jornal O Norte. Na entrevista, Couto diz que é a favor do uso da camisinha como medida de saúde pública para evitar a disseminação de doenças como a Aids.

O deputado também declarou que é contrário ao celibato (que proibe os padres de casar e formar família) e a discriminação contra homossexuais.

O arcebispo suspendeu o direito de Luiz Couto até que ele se retrate publicamente dessas declarações.

O ato de Dom Aldo Pagotto fez com que diversas entidades e autoridades manifestassem repúdio e Luiz Couto recebeu diversas declarações de solidariedade.

Personalidades como o presidente nacional do Partido dos Trabalhadores, Ricardo Berzoine e o bispo emérito de Goiás e conselheiro da Comissão Pastoral da Terra (CPT), Dom Tomas Balduíno, se declararam contra o ato do arcebispo da Paraíba e solidários ao deputado.


Da Redação, com Ascom do evento

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem em destaque

Dezembro Vermelho

Ao longo deste mês, prédios públicos em todo o Brasil ficarão iluminados de vermelho para marcar a luta contra a aids. Além da iluminação, ...