janeiro 29, 2009

Cássio gasta R$ 1,7 milhão com frete de aviões e oposição vê 'farra'

O deputado Rodrigo Soares (PT) revelou ontem (28) que a bancada da oposição vai exigir uma rigorosa investigação nos gastos do governo do Estado com a locação de aeronaves após a cassação do mandato do governador Cássio Cunha Lima (PSDB), em julho de 2007, pelo Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB).

Documentos extraídos do sistema de prestação de contas do Tribunal de Contas (TCE) em poder da oposição revelam que, entre agosto de 2007 e julho de 2008, o governo do Estado gastou R$ 1,7 milhão com o fretamento de aeronaves. As despesas estão registradas em nome na Casa Civil do Governador. “Houve um estúpido incremento do uso de aeronaves depois da cassação do governador. Basta se verificar que de janeiro a julho de 2007 o governo fez apenas três fretamento de aviões e gastou apenas R$ 186,1 mil. Mas de agosto a dezembro essas despesas foram de R$ 1,3 milhão”, comparou o parlamentar.

De acordo com o deputado petista, a oposição vai apresentar requerimentos na Assembléia pedindo explicações ao Governo e formular uma denúncia ao Tribunal de Contas, com o devido pedido de investigação. “Não há como não se verificar que o governo promove uma verdadeira farra com dinheiro público na locação de aviões e de se suspeitar que os mesmos estejam sendo usados pelos advogados do governador, gastos que deveriam ser bancados pelo cidadão e ou pelo tucano Cássio Cunha Lima e não pelo Governo do Estado”, protestou Rodrigo.

As suspeitas da bancada da oposição na Assembléia, segundo Rodrigo Soares, se justificam pela coincidência das datas de fretamento de aeronaves com os períodos em que os advogados do governador foram obrigados a pedir liminares ou apresentar recursos junto ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em Brasília.

fonte portal correio

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem em destaque

Dezembro Vermelho

Ao longo deste mês, prédios públicos em todo o Brasil ficarão iluminados de vermelho para marcar a luta contra a aids. Além da iluminação, ...