dezembro 05, 2008

Infidelidade: TRE cassa mandatos de vereadores

O Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB), na sessão desta sexta-feira(05), cassou o mandato dos vereadores abaixo relacionados, por infidelidade partidária, eles alegavam perseguição política e discriminação pessoal.

Valdomiro Vitorino dos Santos, que deixou o Partido Democrático Trabalhista (PDT) e passou a integrar o Partido Progressista (PP) do município de Massaranduba/PB. A ação foi requerida pelo Diretório Municipal do PP;

Edivaldo Moura do Nascimento, Francisco Marcelino da Cunha Filho e José Pereira da Cunha, que deixaram o Partido Trabalhista Brasileiro (PTB) passando a compor os quadros do Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB) do município de Riachão/PB. O requerimento foi formulado por Josilene de Oliveira Santos, 2º suplente de vereador pelo PTB;

E João Idalino da Silva, que saiu do Partido da Frente Liberal (PFL), à época, passando a pertencer ao Partido Socialista Brasileiro (PSB) do município de Dona Inês/PB. O Diretório Municipal do PSB ajuizou a perda de mandato.

O Tribunal Eleitoral determinou que o presidente da Câmara de Vereadores, dos respectivos municípios, empossem os suplentes da vez, que tenham sido eleitos, no prazo de dez dias a contar da publicação do acórdão.

Prestação de Contas

Na mesma sessão, a Corte Eleitoral desaprovou as contas dos candidatos ao cargo de deputado estadual: Manoel Mendes da Silva, pelo Partido da Mobilização Nacional (PMN) e Tércio de Figueiredo Dornelas Filho, pelo Partido Social Liberal (PSL), referente as eleições de 2006, por não terem aberto conta bancária específica exigida por lei.


fonte: wscom

Um comentário:

  1. Conceição está de parabéns...eu particularmente tive a honra de concorrer a uma vaga de vereadora mas infelizmente ou felizmente não obtive êxito, fico feliz com a presença da ilustre Nena Martins, naquela casa legislativa, ela que é mais uma mulher de garra e determinação...a você Nena um forte abraço...

    Leide...Arrocha o Nó...

    ResponderExcluir