Delegados pedem saída de Eitel Santiago

A Associação Paraibana do Ministério Público (APMP) divulgou uma nota apoiando o movimento grevista dos delegados da Paraíba, que completa nesta terça-feira (23) 20 dias. No documento, a entidade se solidaria à “justa luta encampada pela Associação de Defesa das Prerrogativas dos Delegados de Polícia Civil (Adepdel)” e diz que apóia a paralisação e reconhece como inconstitucional a lei que dá à Polícia Militar poderes da Polícia Civil.

A Adepdel também divulgou uma nota de repúdio contra o secretário de Segurança e da Defesa Social, Eitel Santiago. Os delegados pedem a saída do secretário e dizem que ele não tem habilidade para gerenciar a segurança pública do Estado.

Conforme um dos representantes da (Adepdel), Cláudio Lameirão, o pedido de afastamento do secretário se deve ao fato da “categoria entender que declarações proferidas por Eitel à imprensa, onde ele teria afirmado que os delegados devem estudar para outros concursos públicos se quiserem ganhar bem, demonstra a falta de habilidade administrativa na gerência da atual pasta e é uma atitude de desespero de quem já esgotou seu tempo de auxílio governamental, merecendo o repúdio total dos Delegados de Polícia do Estado para incluí-lo no pólo passivo de reivindicações da categoria, no sentido de sua imediata exoneração do cargo”.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Parlamento terá dia especial no Fórum Mundial da Água

População de Nova Floresta lamenta o falecimento do ex- vereador João Bolinha.

Wilson Santiago e Wilson Filho são recebidos por lideranças politicas em Ingá